CRIME AMBIENTAL            

Golfinho é encontrado morto com o corpo mutilado em Ipojuca (PE)

           
Reprodução Salve Maracaípe

Um golfinho de espécie não divulgada foi encontrado morto na praia de Porto de Galinhas, em Ipojuca, que fica localizada no Litoral Sul de Pernambuco. O animal estava com o corpo mutilado, repleto de cortes, como se pedaços de sua carne tivessem sido cortados. A principal suspeita é que o crime ambiental tenha sido realizado por seres humanos.

A organização de proteção ambiental “Salve Maracaípe”, que luta pela preservação do habitat e das espécies marinha de Porto de Galinhas publicou uma nota de repúdio em suas redes sociais. “Não existe fiscalização ambiental em Ipojuca! O único órgão que tenta fazer algo, a CPRH, está com seus técnicos sobrecarregados pela alta demanda de crimes ambientais”

Até o fechamento desta matéria, a Prefeitura de Ipojuca não se manifestou.

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo