ALERTA

Temperatura média global pode aumentar 1,5°C nos próximos cinco anos

O secretário-geral da OMM, Petteri Taalas divulgou um comunicado por meio do qual afirmou que “estas são mais do que apenas estatísticas”            
(Foto: Mayke Toscano – Secom – MT)

A temperatura média global pode aumentar temporariamente 1,5°C nos próximos cinco anos, segundo levantamento da Organização Meteorológica Mundial (OMM). Embora atualmente a chance disso acontecer seja de 40%, esse percentual têm aumentado cada vez mais.

Os estudos também apontam uma possibilidade de 2016 deixar de carregar o título de ano mais quente da história. Isso porque há uma probabilidade de 90% de pelo menos um ano entre 2021 e 2025 ter temperaturas mais elevadas do que as registradas até o momento. Nesses anos, também é possível que mais ciclones tropicais ocorram no Atlântico em comparação com o passado recente.

Para alertar sobre o futuro reservado à humanidade, o secretário-geral da OMM, Petteri Taalas divulgou um comunicado por meio do qual afirmou que “estas são mais do que apenas estatísticas.”

“O aumento das temperaturas significa mais derretimento do gelo, níveis mais elevados do mar, mais ondas de calor e outras condições climáticas extremas e maiores impactos na segurança alimentar, saúde, meio ambiente e desenvolvimento sustentável”, disse Taalas.

“É mais um alerta de que o mundo precisa acelerar os compromissos para reduzir as emissões de gases de efeito estufa e alcançar a neutralidade de carbono”, completou. Segundo ele, é necessário também que os líderes globais apostem em serviços como saúde, água, agricultura e energia renovável.

De acordo com a ONU, as negociações realizadas durante a Conferência do Clima (COP-26) em novembro deste ano são uma das últimas oportunidades de manter o controle sobre as mudanças climáticas.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo