Foca desmaia após ser espancada por turistas que queriam tirar fotos

           
Reprodução

Uma foca foi espancada por turistas em Kuryk, no leste do Mar Cáspio, no Cazaquistão. O animal foi agredido com pedradas e pauladas por um grupo de homens que tentava obrigar a foca a tirar fotos com crianças. Os maus-tratos foram presenciados por uma multidão que assiste passiva e não faz nada para ajudar o animal.

A foca foi espancada quando estava prestes a chegar à costa em busca de descanso. As agressões foram tão intensas e dolorosas que o animal desmaiou. Quando a foca perdeu a consciência, foi retirada das águas e molestada por crianças e adultos. Os homens, após tirarem várias fotos, jogaram o corpo inerte do animal no mar.

Não há informações se a foca sobreviveu, mas seu corpo não foi encontrado. Esse episódio cruel ocorre poucos dias após outro caso de maus-tratos contra uma foca no país. Em Aktau, um grupo de homens espanca uma foca filhote com pedradas apenas por que o animal se aproximou deles. A crueldade foi filmada.

Autoridades ambientais repudiam as agressões contra as focas e afirmam que esses animais são dóceis e costumam se aproximar de pessoas quando se sentem seguras, o que tornam os atos ainda mais cruéis. A polícia está em busca de informações que levem a identidade dos agressores.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo