EDUCAÇÃO            

Dedo Verde & ANDA realiza ação de conscientização ambiental com alunos de escola pública

Durante a ação, foi realizado um bate-papo e um passeio no parque que o projeto está restaurando no bairro Jardim Mariluz/Botânico, em São Pedro (SP)            
Foto: Divulgação

O projeto Dedo Verde & ANDA realizou nesta quarta-feira (13) uma ação de conscientização ambiental com 50 alunos da Escola Estadual de Ensino Médio Aroldo Donizete Leite, de São Pedro, município do interior do estado de São Paulo onde as atividades do projeto são executadas.

Durante a ação, foi realizado um passeio no parque que o projeto está restaurando no bairro Jardim Mariluz/Botânico. Foram formados quatro grupos comandados pelos voluntários Rafael, Camila, Zenaro e Haroldo, que apresentaram o projeto do parque, já enviado para apreciação do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (COMDEMA).

Através das redes sociais, o grupo de voluntariado ambiental agradeceu os “professores e alunos que, atentamente, percorreram as trilhas do local, culminando num bate-papo no anfiteatro ao ar livre da área verde” e expôs o desejo dos voluntários de que esse seja o “início de um trabalho efetivo de conscientização ambiental”.

Em entrevista à ANDA, o voluntário e co-fundador do Dedo Verde, o ator e ativista Haroldo Botta, explicou que há trâmites a serem respeitados para que o local protegido pelo projeto se transforme em um parque. “O parque ainda não tem nome. É uma área que nós, do Dedo Verde & ANDA, estamos cuidando, mas ainda vai ser avaliado pelo Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (COMDEMA) para que seja apreciado e se veja a validade. Vai ter que fazer uma lei específica para que se transforme em um parque, de preferência em um parque-escola, que é nossa intenção maior. Isso demanda um certo tempo”, afirmou.

Foto: Divulgação

Haroldo relatou que diversos assuntos foram tratados com os alunos que participaram da ação desta quarta-feira (13), incluindo a coleta de lixo e o projeto Corredor Caipira. “A partir das coletas que tenho feito na cidade há 5 anos, uma amiga do grupo, a Camila, também começou a fazer isso, e propôs que os alunos também fizessem essa ação”, contou.

“Tratamos também do Corredor Caipira, que é uma ação da ESALQ, da USP, junto com a Petrobras. Eles farão um plantio nas cinco regiões: Anhembi, Piracicaba, Águas de São Pedro, São Pedro e Santa Maria. A gente espera que nossa área seja contemplada com um plantio de agrofloresta”, completou.

Foto: Divulgação

Ao comentar a parceria com escolas para a realização de um trabalho de educação ambiental com os alunos, Haroldo mencionou que o projeto já fez contato com diversas instituições, dentre elas a Escola Técnica Gustavo Teixeira. “Teremos um próximo encontro na próxima quarta-feira (20) com outro grupo de 50 alunos”, informou.

O voluntário disse ainda que existe a possibilidade de se firmar uma parceria com as escolas que se prolongaria por todo o ano de 2022. “A gente gostaria muito que isso acontecesse para que todos esses assuntos ambientais pudessem ser trazidos à tona e discutidos com as escolas”, afirmou.

De acordo com Haroldo, todas as escolas — particulares, estaduais e municipais — podem participar das ações do Dedo Verde & ANDA. Para isso, basta entrar em contato com o projeto através das redes sociais ou pelo telefone 19 992116824 – falar com Haroldo.

Foto: Divulgação

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo