SOFRIMENTO

Ratos machos são forçados a engravidar e dar à luz em experimento

           
Foto: Reprodução | Freepik

Cientistas chineses forçaram ratos machos a dar à luz de acordo com o The Sun no que está sendo apelidado de um experimento do “estilo Frankenstein”.

Para realizar o experimento, um rato macho e fêmea foram presos por pele e compartilhamento de sangue. Em seguida, um útero foi transplantado em um rato macho e, em seguida, os embriões foram implantados em cada rato macho e fêmea. Os cientistas então realizaram uma cesariana nos ratos e, em seguida, realizaram a cirurgia de “separação” e descobriram que todos os machos sobreviveram por três meses.

No artigo da pesquisa, a equipe escreveu: “Pela primeira vez, um modelo animal mamífero de gravidez masculina foi construído por nós. Nossa pesquisa revela a possibilidade de desenvolvimento embrionário normal em animais machos mamíferos, e pode ter um impacto profundo na pesquisa da biologia reprodutiva”.

Ativistas em defesa dos direitos animais, incluindo a organização PETA, se manifestaram contra o estudo. A responsável pelo setor científico da PETA, Emily McIvor disse ao Mail Online:  “Neste estudo vil, depois de ser castrado e forçosamente unido a uma rata, ratos machos foram abertos e implantados com um útero e embriões foram inseridos neles, tudo para estabelecer se eles pudessem produzir jovens com ‘sucesso’. Esses experimentos chocantes são movidos apenas pela curiosidade e não fazem nada para aumentar nossa compreensão do sistema reprodutivo humano. Os animais merecem ser respeitados e deixados em paz, não criados em laboratórios, experimentados e tratados como objetos descartáveis. ”

Os testes em animais são uma parte inútil e antiética da pesquisa científica. Os testes são considerados ineficazes, pois 95% das drogas que passam em testes em animais falham em humanos. Numerosas empresas estão se levantando contra os testes em animais e recentemente o USDA decidiu eliminar alguns testes em mamíferos até 2025, mas há mais a ser feito e é hora de os países banirem completamente a experimentação em animais, pois ela prejudica os humanos também.

 

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo