Cão é baleado em perseguição a suposto leão perdido em cidade dos EUA

           

(da Redação)

Cão que foi baleado se recupera lentamente. Tutor não foi encontrado. Foto: Reprodução
Cão que foi baleado se recupera lentamente. Tutor não foi encontrado. Foto: Reprodução

Um cão que vive em Milwaukee (EUA) está em recuperação após ter sido baleado por “engano” por alguém que pensava estar atirando em um leão supostamente perdido pela cidade. O pit bull branco com um dos olhos azuis, cujo tutor não foi localizado, recebeu um tiro em sua pata frontal direita. O cachorro estava andando pela parte norte da cidade, a cerca de três quilômetros de onde o leão havia sido supostamente avistado, segundo oficiais da área de controle animal. Não se sabe a identidade do atirador.
“Isso foi ridículo. Ele não é alto e nem chega perto do tamanho de um leão”, disse Karen Sparapani, diretora do setor da Comissão de Controle de Animais Domésticos de Milwaukee. “Nós estamos tentando dizer às pessoas que não entrem em pânico”, contou ao repórter do Huffington Post.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A polícia não foi imediatamente localizada para comentar o tiro, efetuado após uma ligação telefônica por parte de uma mulher que disse ter visto um leão vagando pela sua vizinhança.
No Twitter, o zoológico de Milwaukee informou que todos os leões do local foram contabilizados. A polícia afirmou ter recebido vinte telefonemas reportando avistamentos do animal. Todas as ligações foram investigadas, mas nenhum leão foi de fato encontrado.
Nota da Redação: Atirar em qualquer animal deveria ser considerado um ato criminoso antes de tudo. O fato parece ser um boato. Mesmo que fosse um leão existem formas sem violência de conter um animal. O triste é que se fosse realmente um leão ele seria novamente aprisionado em um zoológico.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo