FINAL FELIZ            

Cão é salvo após passar dias preso embaixo de destroços do furação Ida

Animal estava preso por baixo de um galpão caído            
Foto: The Louisiana SPCA

Na Luisiana, EUA, um cachorro passou dias preso aos destroços do furacão Ida. Bubbles, um doce pit bull, estava acorrentado e sem se mover por baixo de um galpão que havia desabado após a forte tempestade. Por sorte, alguém percebeu a situação e avisou aos oficiais da Humane Rescue Alliance que trabalhavam no local junto com a Louisiana SPCA, organização de proteção animal.

Segundo uma postagem do SPCA feita em suas redes sociais, a suspeita é de que o animal estava preso ali desde a tempestade. A organização acrescentou que após o resgate o cão demonstrou gratidão e afeto aos seus salvadores, sendo amigável e doce com os salvadores que possibilitaram que Bubbles estivesse finalmente seguro.

Rebecca Melanson que é a especialista de comunicação da LASPCA, diz que Bubble superou a situação de forma milagrosa, afinal os ventos da tempestade eram muito fortes, atingindo 130 milhas por hora, algo perigoso para um animal que estivesse do lado de fora.

O dócil Bubbles, após ser resgatado. Foto: The Louisiana SPCA

De acordo com o Histórias Com Valor, Bubbles agora está recebendo os devidos cuidados no abrigo, e Melanson diz que apesar do cão passar a imagem de durão, no fim do dia ele também quer amor e atenção.

Ela acrescenta que situações como a dele acontecem com frequência, pois os tutores além de acharem que estão deixando seus animais em um lugar seguro, pensam que vão precisar se afastar por poucos dias, mas acabam ficando por muito mais tempo. Então, por isso a organização encoraja as pessoas a levarem seus animais quando fugirem por conta do furacão.

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo