AUTOCUIDADO            

Papagaio sem metade do bico gosta de recolher objetos para adornar penas

Especialistas dizem que o animal demonstra grande inteligência            
Bruce, como é chamado o papagaio, carrega seixos e pedras para se enfeitar |Foto: Scientific Reports/DailyMail

Após perder a parte superior do bico, um papagaio tem conseguido se virar muito bem, e até mesmo segurar objetos para usar como enfeites. Acredita-se que o animal tenha ficado preso em uma armadilha. Segundo especialistas, Bruce, como é chamado o animal da espécie Papagaio-da-Nova-Zelândia, demonstra grande nível de inteligência.

Segundo reportagem do DailyMail, o pássaro tem vivido no parque e reserva natural Willowbank Wildlife Reserve, na cidade de Christchurch, Nova Zelândia, desde que se recuperou do acidente. Agora, Bruce, consegue segurar objetos entre sua língua e seu bico inferior, uma incrível façanha. Em 2019, especialistas observaram o papagaio por 9 dias, e foi a primeira vez que viram um papagaio dessa espécie, que também é chamado de Kea, utilizar ferramentas para seu autocuidado.

Amalia Bastos, psicóloga e responsável por conduzir o estudo da Universidade de Auckland, junto com seus colegas, diz que Keas tem facilidade de se adaptar e resolver novos problemas que surgirem. Os pesquisadores também afirmam que a repetição desse comportamento de Bruce indica que há uma intenção.

As pedras que Bruce pega são sempre de tamanhos específicos e diferentes umas das outras, o que, segundo Amalia Bastos, demonstra a intenção do animal de enfeitar-se, mesmo sem seu bico. Ele também utiliza seixos e outros objetos, enquanto os outros 12 Keas que vivem no mesmo aviário, só usam pedras e de tamanhos diferentes.

Bruce perdeu a parte superior do bico. | Foto: Scientific Reports/DailyMail

As descobertas do estudo foram publicadas na revista científica Scientific Reports. Amelia Bastos acrescenta que é importante observar repetidamente esse comportamento dos papagaios para descrevê-lo de forma precisa.

Outros pássaros demonstram comportamentos inteligentes como os Keas. Na Austrália, um áudio mostrou um pato-de-papada criado na Reserva Natural de Tidbinbilla, ao sul de Canberra, repetindo as palavras “Seu idiota”. Outras gravações mostraram o mesmo pato, também chamado de Ripper, imitando o som de uma porta fechando e abrindo.

Confira a imitação feita pelo pato Ripper:

Os pesquisadores da Universidade de Leiden e da Austrália, acreditam que Ripper estava imitando o que seus cuidadores haviam dito. Isso demonstra que patos almiscarados, assim como os papagaios, e outros pássaros, possuem habilidade de aprendizagem vocal.

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo