COVARDIA            

Cachorro morre após levar tiro de policial em Taubaté (SP)

           
Foto: Ilustração | Pixabay

Em Vila Velha, Taubaté, no interior de SP, um cão da raça pit bull morreu após levar um tiro de um policial militar que estava à paisana. Segundo o autor do disparo, ele estava se “defendendo” do cão que correu em sua direção. Antes do acontecido, o cão estava na rua brincando com seu tutor.

Os moradores do bairro protestaram em indignação após o animal morrer devido aos ferimentos, e o policial também foi alvo de críticas nas redes sociais. Um dos moradores escreveu que o animal era manso e que nunca havia feito nada a ninguém, enquanto outra moradora escreveu sobre a crueldade de pensar que quem deveria proteger a população agia de outra forma.

Segundo o portal OVALE, que procurou os órgãos representantes e responsáveis pela polícia militar no Vale do Paraíba, ainda não houve nenhuma manifestação sobre o caso. Se for punido, o policial pode responder por crime de maus-tratos, cuja lei prevê detenção de 3 meses até um ano.

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo