CEARÁ            

Filhotes de gatos-mourisco sofrem resgates inadequados e são separados de suas mães

           
Foto: Reprodução | G1 

No sertão do Ceará, filhotes da espécie gato-mourisco estão sendo retirados de seu habitat por pessoas que acreditam que os animais estão precisando de resgate e ajuda. Os animais são avistados em zonas rurais, e as pessoas acabam colocando-se em perigo ao aproximar-se das mães dos filhotes na tentativa de realizar o resgate.

Segundo o portal G1, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, ICMBio Araripe, tem recebido diversos animais em várias situações, mas o chefe da instituição, Carlos Augusto de Alencar, alerta que as circunstâncias em que esses animais são resgatados é que são um grande problema, afinal, ocorrem com muita frequência em ambientes onde de fato é o habitat natural desse bicho.

Resgatar esses bichos pode trazer mais malefícios a eles, como por exemplo sua alimentação, já que o leite específico para essa espécie não pode ser misturado com outro, principalmente por tratar-se de um filhote. A boa ação e vontade de ajudar acabam se tornando um problema neste caso.

O resgate só deve ser feito se forem vistas feridas ou se o animal adulto estiver morto, em outros casos, apenas é necessário a fotografia e a informação do local onde foi visto, não colocando em risco a vida de quem queira ajudar, informa o chefe do ICMBio Araripe.

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo