CRUELDADE            

Cachorro morre logo após ser arrastado por carro na fronteira entre o RS e o Uruguai

           
Reprodução

Um cão morreu após ser arrastado por um carro em Santana do Livramento, na fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai, na última segunda-feira (26). Imagem registra o cachorro preso ao veículo pela coleira.

A Polícia Civil investiga o caso como suspeita de maus-tratos. Segundo a delegada Giovana Muller, o motorista do carro já foi identificado, devendo prestar depoimento na terça-feira (27). O veículo circulava pela Avenida Dom Pedro II, no bairro Wilson.

As investigações ainda não identificaram o tutor do animal e as circunstâncias do ocorrido. A equipe da Polícia Civil quer descobrir também por quantos metros o animal foi arrastado até que o veículo parasse.

A punição prevista em lei para quem maltrata animais é de dois a cinco anos de prisão, multa e proibição da guarda. Caso o crime resulte na morte do animal, a pena pode ser aumentada em até 1/3.

No estado do Rio Grande do Sul, um decreto estadual e uma lei aprovada pela Assembleia Legislativa passaram a punir quem comete maus-tratos a animais ou qualquer tipo de exploração.

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo