BOA AÇÃO

Policiais alimentam e oferecem água a cães trancados em carro acidentado

Ao perceberem que os cães estavam agitados, os policiais decidiram tentar acalmá-los oferecendo água e comida            
Foto: PRF/Divulgação

Dois cachorros presos a um carro acidentado em Santa Catarina foram alimentados e receberam água de agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que se comoveram com a situação em que estavam os cães. Após auxiliarem os animais, os policiais se certificaram que eles estariam em segurança com o tutor.

De acordo com a PRF, os cães estavam sozinhos dentro de um carro no acostamento da BR-282, em um trecho que passa pelo município catarinense de Faxinal dos Guedes. Uma fresta foi deixada pela tutor na janela do veículo para que houvesse ventilação para os cachorros, impedindo assim que eles sofressem algum mal estar.

O caso aconteceu na última terça-feira (15), mas só foi divulgado pela PRF na quarta (16). O motorista dirigia o veículo quando perdeu o controle da direção, o que fez com que o automóvel saísse da pista após colidir contra uma defensa da rodovia.

Sem sinal de celular para pedir ajuda – por se tratar de uma área rural -, o motorista deixou os cães dentro do veículo e caminhou em busca de auxílio. Quando os agentes se depararam com o automóvel, surpreenderam-se com a presença dos animais e perceberam que eles estavam sozinhos no local, já que o motorista estava distante do carro no momento em que os agentes fiscalizavam a área.

Ao perceberem que os cachorros estavam agitados, os policiais decidiram dar atenção aos animais e oferecer água e alimento para eles numa tentativa de acalmá-los. Dóceis, os cães beberam água na mão de um dos agentes através da fresta deixada na janela do veículo. Com bastante sede, eles consumiram quase toda a água da garrafa usada pelos policiais.

Com a demora do motorista para retornar ao local, os policiais decidiram acionar o serviço de guincho para fazer a remoção do veículo. Cerca de uma hora depois, quando o carro estava prestes a ser guinchado, um rapaz de 21 anos, que se identificou como proprietário do automóvel e tutor dos cães, apareceu no local.

Em uma conversa com os agentes, o homem informou que precisou deixar os cachorros dentro do veículo para buscar ajuda após sofrer o acidente. Ele relatou ainda o que teria acontecido durante a colisão. Após ser questionado sobre a documentação do veículo, o motorista apresentou documentos que mostravam que o licenciamento estava vencido.

Por ter desobedecido as normas de trânsito, o rapaz teve o carro recolhido e levado ao pátio. Antes disso, os cachorros lhes foram devolvidos em segurança.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo