SANTA CATARINA

Cão em situação de rua persegue bicicleta e ajuda policial a deter suspeito de furto

Sem a ajuda do cão, o suspeito provavelmente teria obtido sucesso na fuga, assim como aconteceu com o outro rapaz, que fugiu levando a bolsa da vítima            

Um cachorro em situação de rua ajudou um policial militar a impedir a fuga de um homem suspeito de furtar uma mulher em Porto União, no estado de Santa Catarina. Em uma foto, o cabo José Flauzir Mendes aparece ao lado do cão e o acaricia em uma demonstração de afeto pelo animal, que é cuidado pela população.

O caso aconteceu na noite da última quarta-feira (10). O cabo voltava do trabalho e estava à espera de um ônibus quando percebeu que uma mulher havia sido furtada por dois homens de bicicleta. Quando o policial iniciou a perseguição aos suspeitos, cães comunitários da cidade passaram a perseguir as bicicletas. Um deles era Piá, o cão que ajudou Mendes a derrubar um dos homens no chão durante a fuga.

Após cair, o homem foi imobilizado pelo policial, que logo recebeu apoio de outros agentes da Polícia Militar Ambiental. Sem a ajuda do cão, o suspeito provavelmente teria obtido sucesso na fuga, assim como aconteceu com o outro rapaz, que fugiu levando a bolsa da vítima – dentro dela havia um celular, chaves, cartão de crédito, carregador de celular, aproximadamente R$ 700 em dinheiro e documentos pessoais.

O cabo José Flauzir Mendes integra o Corpo Temporário de Inativos da Segurança Pública (CTISP) e exerce suas atividades em um posto da Polícia Militar Rodoviária no município de Calmon, na mesma região onde o crime aconteceu. No momento em que perseguiu os suspeitos, ele voltava para casa, em União da Vitória, no Paraná.

Já o cachorro Piá é um animal comunitário – ou seja, vive em situação de rua, mas recebe cuidados da comunidade local. Para se proteger das condições climáticas, o cão dorme em uma casinha montada especialmente para ele na rodoviária de Porto União.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo