CARAGUATATUBA (SP)

Polícia Ambiental resgata filhote de macaco-prego de cativeiro

           
Foto: PA/Divulgação

Na última segunda-feira (5), policiais ambientais de Caraguatatuba resgataram um filhote de macaco-prego após o recebimento de uma denúncia de animal silvestre em cativeiro. A multa para o responsável foi de R$500,00.

O animal tem aproximadamente um ano e estava em uma casa localizada no bairro Barranco Alto, na região sul da cidade. A mãe do criminoso informou aos policiais que seu filho havia comprado uma macaquinha e que, inclusive, tinha a nota fiscal comprovando a aquisição de criador autorizado.

De acordo com o site Nova Imprensa, os policiais ambientais teriam encontrado diversas irregularidades no documento de compra, incluindo o sexo do animal. Após acompanhar a ocorrência, o veterinário do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) disse que se tratava de um macho e não fêmea, conforme descrição na nota fiscal.

Diante disso, o caso foi encaminhado para apuração na Delegacia Central de Caraguatatuba.

Futuro

O filhote ficará em observação e readaptação no Cras Pet do Parque Ecológico do Tietê em São Paulo. Após, será a reabilitação, será solto em seu habitat. 

O responsável não pagará somente a multa, mas também deve responder pelo crime de “manter animal silvestre não inserido na lista de animais em extinção em cativeiro, sem autorização do órgão competente”.

Segundo a Polícia Ambiental, estima-se que para cada animal retirado na natureza e colocado à venda, outros nove morrem nas mãos de traficantes, vítimas de abusos e maus-tratos decorrentes da captura e transportes precários.

Denúncias podem ser feitas pelo telefone da Polícia Militar Ambiental de acordo com cada região.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo