PL que defende comércio de carne de javali avança no Senado

Pixabay

Recentemente um projeto de lei que defende tanto a caça de espécies exóticas como javalis, com suposta finalidade de controle populacional, como também o consumo, distribuição e comercialização de produtos e subprodutos resultantes da morte desses animais para consumo, recebeu parecer favorável do senador Plínio Valério (PSDB-AM), relator da matéria na Comissão de Meio ambiente (CMA).

Em sua justificativa, o senador fez a ressalva de que a comercialização de produtos e subprodutos obtidos por meio da morte desses animais é uma discussão complexa, pelos riscos de criação de uma nova cadeia produtiva que poderia incentivar a criação de animais e o transporte e soltura em novas áreas.

Deputado defende caça por pessoas físicas e jurídicas

“Poderia envolver, ainda, riscos desconhecidos de saúde pública, em face de lacunas de informações sobre doenças que circulam entre as espécies exóticos, podendo afetar a produção pecuária”, alegou Plínio Valério, porém, sem fazer oposição ao PL, mas apenas destacando que essa discussão deve ser levada à Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) para coibir “prejuízos econômicos”.

O PLS 201/16, de autoria do senador Wellington Fagundes (PR-MT), um dos responsáveis pela viabilização do projeto que instituiu o Dia Nacional do Rodeio, sustenta que a medida é considerada importante “em decorrência do alastramento nocivo do javali europeu no Brasil”. A proposta defende que animais como javalis sejam mortos por pessoas físicas ou jurídicas cadastradas junto aos órgãos ambientais.

Javali foi introduzido no Brasil com autorização do Ibama

“A grande quantidade de javalis presentes no campo tem gerado riscos à saúde humana e animal. A possibilidade de transmissão de doenças como peste suína, febre aftosa e brucelose ameaça à saúde de rebanhos destinados à alimentação humana”, frisa Fagundes.

Segundo o autor do PLS, os javalis têm provocado perdas econômicas para os produtores rurais, com a destruição de lavouras pela passagem da enorme quantidade de animais à procura de alimento. Vale lembrar que o javali foi introduzido no Brasil com fins comerciais e prévia autorização do Ibama.

Saiba Mais

O PLS agora deve passar por votação com outros senadores que compõem a Comissão de Meio Ambiente (CMA).


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com