Greta Thunberg cria ONG com dinheiro do ‘Prêmio Nobel alternativo’

           

Ela recebeu a premiação de uma entidade sueca “por inspirar e ampliar demandas políticas por ações climáticas urgentes que refletem fatos científicos”


 

Foto de Marco Passaro / IPA / SIPA / Shutterstock

Recentemente, a ativista ambiental sueca, Greta Thunberg (17), usou o prêmio de 1 milhão de coroas suecas (aproximadamente R$50 milhões) que recebeu em dezembro de 2019, para lançar sua própria organização sem fins lucrativos.

A entidade que deu o prêmio a Greta é a Right Livelihood (entidade sueca que homenageia e apoia pessoas que buscam soluções urgentes para o planeta). Ela foi premiada com o “Prêmio Nobel alternativo”, também conhecido como “Prêmio da Sustentabilidade”.

A entidade anunciou no dia 20/02 que  a ativista utilizou os recursos para estabelecer a Fundação Greta Thunberg. Ela recebeu a premiação “por inspirar e ampliar demandas políticas por ações climáticas urgentes que refletem fatos científicos”.

O objetivo da ONG de Greta é promover a sustentabilidade ecológica e social, além de tratar de questões relacionadas à saúde mental das pessoas.

Greta já havia anunciado a criação de sua própria organização em janeiro, em sua página no Instagram, mas que para que isso se tornasse possível, a ativista precisava registrar o seu nome como marca e também o nome do “Fridays for Future” (Sextas-feiras para o Futuro), movimento global pelo clima criado por ela.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo