Vídeo: homem salva a vida de cervos presos em lago congelado no Canadá

           

O rapaz patinou em direção aos cervos e usou uma corda para retirá-los do lago, impedindo que eles morressem congelados


Ryan Peterson patinava em um lago congelado em Ontário, no Canadá, quando viu três cervos presos no local. O solo escorregadio impedia que os animais conseguissem sair do lago.

Reprodução/Ryan Peterson

Comovido com o sofrimento dos animais, Peterson decidiu ajudá-los. Como havia tirado um intervalo do trabalho para espairecer patinando no lago, bastou retornar ao escritório para buscar uma corda e, então, ajudar os cervos.

Toda a ação foi filmada por Peterson. Nas imagens, é possível vê-lo patinando em direção aos animais e colocando uma corda no pescoço de cada um deles. Em seguida, o patinador os puxa até a beira do lago. As informações são do Metro Jornal.

Após retirá-los do gelo, Peterson usa um galho de árvore para cutucá-los, sem machucá-los, para incentivá-los a sair do local e caminhar para uma região segura.

As imagens dos animais sendo resgatados viralizaram após serem divulgadas pelo site Storyful e comoveram internautas em todo o mundo.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo