Manaus (AM) registra em média um caso de maus-tratos a animais por dia

           

O principal crime cometido contra animais na cidade de Manaus é o abandono


A cidade de Manaus (AM) registra, em média, um caso de maus-tratos a animais por dia. De janeiro a outubro deste ano, a Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (Dema) recebeu 264 denúncias.

Foto: Divulgação/PC-AM

Os dados, da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), indicam um aumento de 51,7% nas denúncias em relação ao mesmo período de 2018, quando 174 ocorrências foram registradas.

O principal crime cometido contra animais é o abandono. Outros casos, porém, também configuram maus-tratos, como não aplicar vacinas e medicações adequadas.

A delegada titular da Dema, Carla Biaggi, explica que os infratores que cometem maus-tratos contra animais respondem a um processo criminal e podem ser punidos com até um ano de detenção. A pena pode se agravar se o animal morrer.

Em outubro, a polícia realizou a operação “Maus-tratos não é legal” e encaminhou 62 Termos Circunstanciados de Ocorrência à Justiça.

Várias ações podem configurar maus-tratos, segundo a delegada. “Como exemplo, nós temos quando os tutores dos animais deixam de prover alimentação e água para o animal, quando o deixam em local muito pequeno, sem espaço para que ele possa se locomover, ao deixar preso muito tempo em correntes curtas. Então aqueles cuidados necessários para o animal, se o tutor não oferece, pode caracterizar o crime de maus-tratos”, explicou.

A denúncia, de acordo com Carla, é “muito importante para que esses animais sejam resgatados em tempo hábil e que seus algozes sejam punidos”.

“Se a pessoa presenciar algum crime de maus-tratos, se possível, que ela possa tirar fotos, fazer vídeos, ou vir até à delegacia testemunhar para que nós possamos ter provas nos autos para robustecer o nosso procedimento e o autor seja punido”, disse.

A Dema fica na rua Hermes Fontes, nº 60, no bairro Compensa 3, na Zona Oeste de Manaus. O telefone para contato é o (92) 3239-3870.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo