Baleia cachalote é encontrada morta com o estômago cheio de sacolas plásticas

           
Foto: Greenpeace Italy
Foto: Greenpeace Italy

Imagens fortes e tristes mostram pilhas de sacolas plásticas e outros objetos retirados do estômago de uma baleia ainda jovem, da espécie cachalote, após o cetáceo ter sido levado pelas águas do mar até uma praia turística em Cefalu, na Sicília (Itália).

Especialistas acreditam que a baleia tinha cerca de sete anos de idade. O Greenpeace Itália foi chamado para ajudar na operação de investigação e limpeza – compartilhando imagens no Facebook que mostram a quantidade chocante de lixo removido do cadáver.

Foto: Greenpeace Italy
Foto: Greenpeace Italy

A representante da organização, Giorgia Monti, disse em um comunicado: “Como você pode ver pelas imagens que estamos compartilhando, muito plástico foi encontrado no estômago desse animal marinho”.

“Uma sonda especial esta sendo utilizada no corpo da baleia para investigar as causas de sua morte já começou e ainda não sabemos se o animal morreu por causa disso, mas certamente não podemos fingir que nada está acontecendo”.

“Cinco baleias cachalotes encalharam nas costas italianas nos últimos cinco meses”.

Especialistas realizaram uma investigação de necropsia no domingo, auxiliada por Carmelo Isgro, que trabalha no museu de história natural da Universidade de Messina.

Foto: Greenpeace Italy
Foto: Greenpeace Italy

Ele também compartilhou vídeos e imagens horríveis no Facebook, mostrando uma pilha de sacolas plásticas e outras detritos tirados de dentro do cadáver.

Isgro disse: “Estou chocado – outra cachalote com o estômago cheio de plástico”.

“Aqui estão as fotos que contam a incrível operação de necropsia e escarificação realizada ontem diretamente na praia em Cefalù”, disse o especialista.

“São imagens fortes, mas quero que todos entendam o que estamos fazendo com nosso mar e seus habitantes”.

Embora não tenha havido confirmação oficial de que a baleia morreu como resultado do plástico por ela, Isgro acrescentou que “é muito provável que esta seja a causa da morte”.

Foto: Greenpeace Italy
Foto: Greenpeace Italy

Isgro disse à CNN que havia “vários quilos de plástico” no estômago do cetáceo.

Ele disse: “O plástico provavelmente criou um bloco, um obstáculo no organismo do animal que não deixou a comida entrar”.

“É muito provável que seja a causa da morte da baleia. Não encontramos sinais que possam indicar outra possível razão”.

“Eu ainda estou chocado porque a barriga dela estava completamente cheia, inchada de plástico, a baleia deve ter morrido em sofrimento, com muita dor”.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo