Cadelas paraplégicas precisam de ajuda com tratamento médico em SP

           

Luzia
luzia.carreiro@uol.com.br

As cadelas das fotos abaixo são a Pretinha e a Branquinha. As duas são paraplégicas e vivem em um lar temporário em São Paulo.

Atualmente, a pessoa que as levava para fazer fisioterapia passou a ter sérios problemas nos joelhos e na coluna e, por isso, Pretinha e Branquinha terão que começar a fazer a fisioterapia em casa. O custo é de R$ 120 por animal, mas por se tratar de duas cadelas num mesmo local, houve um desconto e o valor caiu para R$ 100 cada, totalizando R$ 200 a sessão das duas.

Entretanto, apenas três pessoas tem ajudado as cadelas, contribuindo cada uma com R$ 20 mensais. Por isso, para que o tratamento de Pretinha e Branquinha não seja interrompido, é necessário que outras pessoas colaborem doando R$ 20 ou mais.

Interessados em ajudar as cadelas devem entrar em contato com Luzia pelo e-mail luzia.carreiro@uol.com.br.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo