Bezerros mortos em acidente serão homenageados com memorial

           

A organização de direitos animais People for the Ethical Treatment of Animals (PETA) criará um memorial para homenagear os animais mortos em um acidente de caminhão na estrada perto de Madras, no estado do Oregon (EUA).

Um caminhão dirigido por Dennis Cayer, de Washington, havia caído de lado na estrada 26. O veículo transportava 84 animais. Os primeiros socorristas tiveram que acessar o caminhão, fazendo furos no topo para salvar os animais sobreviventes. Entre vacas e bois era um total de 45 animais.

O grupo de direitos animais instalará um quadro de avisos ao longo da estrada 26 dos Estados Unidos para assinalar que 14 bezerros morreram quando o caminhão capotou para o canteiro da estrada no dia 12 de março deste ano. Uma porta-voz da PETA disse que a organização também comprou outdoors semelhantes após recentes acidentes com caminhões com animais no Tennessee e em Louisiana.

Mais de 80 animais sofreram um acidente dentro do caminhão na Estrada 26 dos EUA. A (PETA) colocará um memorial no local para mostrar que além do matadouro as empresas de exploração de carne expõe estes animais a riscos brutais.
Animais sendo resgatados após o grave acidente na estrada 26 dos Estados Unidos. (Foto: Jefferson County Fire District)

Amber Canavan disse que a organização espera que o anúncio incentive pelo menos uma pessoa a considerar o veganismo. “Mesmo que apenas as pessoas falem sobre isso. Porque muitas pessoas não sabem sobre o que está acontecendo”, afirmou.

De acordo com a PETA, vacas e bois sofrem em todas as fases da vida, desde o parto até o matadouro. Canavan afirma que o estes animais são frequentemente transportado de forma cruel e sem comida e água.

“Na maioria das vezes, as pessoas não veem essas coisas porque estão passando atrás de portas trancadas. Você pode olhar para o caminhão indo na estrada e não saber. Isso realmente nos dá um vislumbre de algumas das coisas que a indústria da carne tenta manter em segredo”, declarou.

O Oregon é o lar de muitas fazendas de vacas e bois. Em 2012, o condado de Crook vendeu 27,8 milhões de dólares em animais, segundo o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. Os fazendeiros do condado de Jefferson venderam 14 milhões de dólares e o condado de Deschutes vendeu 5,8 milhões de dólares. Isso revela que a exploração e o comércio de animais ainda é muito forte nos Estados Unidos.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo