Coelho surdo e cego encontra melhor amiga que o ajuda a se sentir seguro

Coelhos na grama
Foto: Raystede Centre for Animal Welfare

Bramble, de cinco anos, foi deixada no local em Fevereiro porque seus tutores não tinham mais condições de cuidar dela, de acordo com o Raystede Center for Animal Welfare, em East Sussex, na Inglaterra, onde ela atualmente mora.

Ela logo foi colocada com Buttons, um coelho do Himalaia de seis anos, que foi deixado no abrigo em Julho de 2016 por seus tutores, que não atendiam suas necessidades e estavam com problemas financeiros, segundo a equipe do Raystede Center. Agora, os dois coelhos são melhores amigos.

“Buttons e Bramble são inseparáveis. Nenhum poderia resistir sem o outro, mas Buttons ficaria completamente desorientado sem Bramble ao seu lado. Buttons é surdo e parcialmente cego e também possui dano cerebral, então Bramble cuida dele”, disse Miriam Battye, supervisora de animais pequenos do Raystede, ao The Dodo.

A equipe do Raystede sabia que Bramble era dócil e que amava receber carinho quando ela chegou ao abrigo. Porém,  foi só quando eles a colocaram com Buttons que descobriram o quão carinhosa ela realmente era e o coelho precisava exatamente disso.

“Ele chegou com uma inclinação lateral na cabeça muito ruim e testou positivo para E. cuniculi”, disse Battye.

De acordo com o Rabbit Welfare Association & Fund (RWAF), o E. cuniculi é um parasita transportado por muitos coelhos. Alguns o possuem sem que ele se transforme em uma doença, mas outros podem ficar gravemente doentes e isso pode ser fatal.

“Mais tarde, descobrimos que Buttons também era surdo e tinha uma visão muito ruim. Ele começou a melhorar após algumas semanas de tratamento e agora, em parte graças a Bramble, está indo muito bem”, “, afirmou Battye.

Coelhos dividem até mesmo o alimento
Foto: Raystede Centre for Animal Welfare

Segundo o RWAF, os coelhos são animais altamente sociais e precisam da companhia uns dos outros. Um único coelho pode não apenas se sentir solitário se ficar isolado, mas também ansioso.

Mas o relacionamento entre Buttons e Bramble é muito mais do que apenas companheirismo, esclarece Battye. “Bramble garante que Buttons possa fazer seu caminho e está sempre alerta para o perigo. Ela ajuda a manter ambos seguros”, disse ela.

Buttons confia no seu olfato para seguir o rastro do cheiro de Bramble em torno de seu recinto. A coelha também atua como cuidadora de Buttons, abraçando-o para mantê-lo aquecido quando ele dorme e até divide sua comida com ele.

Apesar de seus problemas médicos, Button adora explorar o abrigo e conhecer novas coisas e toca as pessoas que cruzam o seu caminho, observou Battye.

Proximidade e carinho entre os dois coelhos
Foto: Raystede Centre for Animal Welfare

“Buttons e Bramble são um par amigável de coelhos.  Eles adoram as pessoas, mas também aproveitam sua independência. Apesar dos problemas de Buttons, ambos são coelhos muito ativos, felizes. Eles são muito amorosos e gostam de dormir juntos e ficar sentados sob a luz solar”, disse Battye.

Os funcionários do Raystede gostariam que a dupla fosse adotada por tutores experientes que podem lhes fornecer  todo o amor e cuidado de que precisam. “Eles são coelhinhos muito felizes e farão com que o tutor certo seja tão feliz como eles”, concluiu Battye.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com