Vítima de negligência, cão busca família adotiva em Minas Gerais

           

Crispim Zuim
crispim@oloboalfa.com.br

Cão foi encontrado arrastando corrente
Cão permanece em lar temporário

Após ter sofrido acorrentado e depois fugido para as ruas sem rumo, um cão chamado Bob que não deixava qualquer humano chegar perto, ganhou uma nova chance de ser feliz.

Quando foi encontrado, estava arrastando uma corrente de 3 metros e rosnava para todos. A responsável pelo seu resgate só conseguiu tirá-lo das ruas com a ajuda da corrente e mesmo assim levou 3 mordidas do cão.

O cão aparentemente que tinha sofrido maus-tratos e carregava traumas, foi internado e passou por exames. Apenas 2 dias depois, já estava acomodado em uma casinha, castrado e usando uma roupa cirúrgica. Durante a sua reabilitação na Clínica teve início o seu processo de socialização.

Cão foi encontrado arrastando corrente
Cão permanece em lar temporário

Aos poucos o cão voltou a brincar e aceitar carinho e desde então vive em um lar temporário a espera de uma adoção definitiva.

Quem puder adotá-lo precisa se dedicar totalmente, dar companhia e de preferência ser responsável por outro cão doméstico, para ajudar a socializá-lo. Entrar em contato através do e-mail: crispim@oloboalfa.com.br.

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo