Pesca pode ter gerado morte de quase 70 arraias em Vitória (ES), diz polícia

Foto: Leitor | WhatsApp Folha Vitória
Foto: Leitor | WhatsApp Folha Vitória

A Polícia Militar Ambiental (PMA) apontou três hipóteses para a morte de 68 arraias encontradas na Praia de Camburi, em Vitória, nessa terça-feira (21). Dentre as possibilidades apontadas está a pesca, já que os animais podem ter sido trazidos por meio de redes de arrasto, e havia marcas de pneus na areia. No entanto, ninguém soube dar informações sobre um suposto veículo que teria puxado as redes até a areia, informou a PMA.
Outra versão pode ser uma contaminação pelos dejetos lançados no Córrego da Cotinha, que deságua no local. A terceira suposição seria uma espécie de encalhe em massa, o cardume teria ficado desorientado de sua rota migratória, chegado a areia e morrido.
A Polícia não soube informar a hora precisa do fato, mas após analisar a aparência das arraias, acredita que o incidente tenha acontecido durante a madrugada.
Segundo a PMA, as espécies encontradas na praia são semelhantes a arrraia-beiço-de-boi (Rhinoptera brasiliensis), que tem a pesca proibida, por estar na lista de animais ameaçados de extinção. No local em que os animais foram encontrados é proibido o uso de qualquer tipo de rede de pesca.
As arraias foram recolhidas pela Prefeitura de Vitória e levados para o aterro sanitário, na Rodovia do Contorno, na Serra.
Fonte: Folha de Vitória

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com