Tribunal argentino deve decidir destino de orangotango Sandra

           

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Um tribunal argentino deve decidir, ainda este mês, se coloca em liberdade um orangotango fêmea que vive em um zoológico de Buenos Aires.
Sandra, como é chamada, conseguiu uma decisão inédita da Justiça da Argentina em dezembro do ano passado. Ela recebeu um habeas corpus e foi reconhecida como um “sujeito não humano”.
A requisição foi feita em novembro passado pela Associação de Funcionários e Advogados dos Direitos Animais (Afada) da Argentina e a Justiça acabou por considerar que o caso se trata de “confinamento injustificado de um animal com provada capacidade cognitiva”.
O grupo que pediu a liberdade de Sandra alega que o animal “tem sentimentos” e que deve ter o direito de viver em liberdade em uma reserva ambiental no Brasil. Na imprensa argentina, Sandra é conhecida como o “orangotango triste”.
Segundo o jornal “La Nacion”, o animal tem 29 anos e vive em Buenos Aires desde 1994.
Fonte: G1

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com