Após vida de abusos, elefante Sunder está a caminho de santuário

           

(da Redação)

Foto: PETA
Foto: PETA

Segundo informou ontem a PETA Índia (People for the Ethical Treatment of Animals) em seu blog, o elefante abusado chamado Sunder foi colocado em um caminhão por uma equipe de especialistas que tinham viajado para Kolhapur para trabalhar com o Departamento Florestal Maharashtra. Agora, depois de muita espera, o animal é conduzido com cuidado e devagar para sua nova casa, conforme a ordem do Supremo Tribunal da Índia.

A transição não foi fácil. Este progresso foi feito depois de muito esforço, incluindo lidar com a sabotagem de homens gritando, tumultos, pneus que foram perfurados com pregos por aqueles que queriam manter Sunder em Kolhapur, para que ele continuasse a sofrer uma vida de abusos. Um mahout (manipulador de elefante) chegou a gritar comandos errados, a fim de agitar Sunder. O caminhão é acompanhado por proteção policial.

Foto: PETA
Foto: PETA

Originalmente, Sunder foi dado de presente a um templo em Kolhapur, Índia, onde foi mantido acorrentado e abusado por seis anos, até que o Departamento Florestal de Maharashtra e o Project Elephant ordenaram que o templo mandasse o elefante para um santuário em 2012. Mas o animal foi enviado para um velho e escuro barracão em Warananagar – onde foi gravado um vídeo que revelou que os manipuladores locais abusavam dele.

Agora, finalmente, Sunder está a caminho de um santuário onde será reabilitado e não sofrerá mais nas mãos de humanos carrascos. “Estamos esperando o melhor nesta jornada, que vai demorar vários dias. Por favor, torçam junto com a gente, e obrigado por todas as suas ligações, cartas, e-mails e mensagens”, diz a PETA ÍNDIA em seu blog.

 

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo