Mais de 5 mil assinaturas em apoio à criação de hospital veterinário público na Argentina

           
Foto: divulgação
Foto: divulgação

Representantes de associações e defensores dos animais apresentaram mais de 5 mil assinaturas em apoio à criação de um Hospital Veterinário na região de Misiones, fronteira com Brasil. Um dos responsáveis por entregar os formulários com mais de 5 mil assinaturas coletadas em apenas um mês, ressaltou que ação é um reflexo da vontade da população. “Isso refletem o apoio social disponível para a iniciativa”, disse. Para este número devem ser adicionados ainda mais de 2 mil assinaturas, que são coletadas no grupo de Facebook “Todos por el Hospital Público en Misiones”.

O projeto de lei, promovido por Daniel Dominguez e Alberto Alvarez, promove a criação de três centros veterinários públicos permanentes nas cidades de Posadas,  Oberá e Eldorado, enquanto o resto dos centros nas províncias e centros ambulantes são planejadas, mas têm toda a tecnologia necessária para operar em bairros em toda a província.

Segundo o vice-presidente do Legislativo, a iniciativa tem o propósito de cobrir uma área atualmente desprotegida pela ação do Estado. ” “Hoje nós visitamos a casa para trazer ao governador Rovira as assinaturas, que coletamos por cerca de um mês, para dar conhecimento do apoio da sociedade para o Hospital Pública Veterinária”, disse Molina. “A verdade é que nos reunimos a várias associações com a mesma finalidade, para tentar salvar os animais do abandono, e isso também é responsabilidade da sociedade , pois se refere a pessoas que não têm recursos, que não podem levar seus animais a um veterinário que trabalha em privado, que não pode pagar por uma consulta. O hospital dará acesso aqueles que não tem recursos, mas que desejam ajudar animais, esterilizá-los , vaciná-los , e ser capaz de tutelá-los com a qualidade que merecem nossos animais “, declarou.

O projeto de lei propõe a instalação dos hospitais veterinários públicos e centros móveis de cuidados veterinários, que servirão com o objetivo de atender animais como cavalos, cães e gatos. Esses hospitais serão formados por médicos veterinários, por pessoal treinado e voluntários com predisposição e experiência no cuidado e tratamento dos animais.

Também podem entrar em acordos com universidades, para que os estudantes e novos profissionais em medicina veterinária podam fazer estágios e residências no local.

Fonte: Radio Cataratas

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo