Manifestação no Rio reúne ativistas contra a matança de golfinhos em Taiji, no Japão

           

Comissão de Proteção e Defesa dos Animais da OAB/RJ
cpda.oab@gmail.com

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Cerca de 160 pessoas reuniram-se ontem (01/9) no posto 4, em Copacabana (RJ), para protestar contra a matança de golfinhos e chamar atenção do governo japonês pela carnificina que sempre acontece neste período naquela região.

Todo dia 1º de setembro, na cidade de Taiji, na costa meridional do Japão, na ilha de Honshu, inicia-se a temporada de caça e massacre aos golfinhos. Eles são encurralados em pequenas enseadas e mortos a facadas e marretadas, transformando estes locais num verdadeiro campo de assassinato destes mamíferos. Uns são mortos para servirem de alimento, outros para comercialização de cativeiros e exposições. Pesquisas ignoradas pelos governos, apontam altos níveis de contaminação de mercúrio na carne destes animais.

O evento, promovido pela ONG Guardiões do Mar, teve a presença do Presidente da Comissão de Proteção e Defesa dos Animais da OAB/RJ, Reynaldo Velloso, que após a manifestação, disse que as relações do Brasil com o Japão “são as melhores possíveis”. Tenho certeza que estes assassinatos desmedidos irão ter um fim próximo, completou. Na próxima quarta feira, Velloso será recebido pelo Consul japonês, Sr. Hajime Kimura para, como diz ele, “abrir o diálogo” e por um fim nestas atrocidades.

Mais detalhes

Comissão da OAB/RJ: https://www.facebook.com/cpda.oab
Guardiões do mar: https://www.facebook.com/events/149826061871050/

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo