Abaixo-assinado que pede hospital para animais reúne mais de sete mil assinaturas

           
Elizabeth Salomão, do gabinete do prefeito, recebe da advogada Rosalina (Foto : Flavio Verão)
Elizabeth Salomão, do gabinete do prefeito, recebe da advogada Rosalina (Foto : Flavio Verão)

A sociedade correspondeu ao apelo para a construção de um hospital público para animais em Dourados(MS) e 7,5 mil assinaturas foram coletadas em um abaixo-assinado, entregue ontem no gabinete do prefeito Murilo Zauith. Durante quase um mês a advogada Rosalina de Souza Santos, idealizadora da ação popular, esteve na praça Antônio João e conseguiu mobilizar um percentual de apoiadores suficiente para a criação de um projeto de lei.

O artigo 39 da Lei Orgânica do Município de Dourados, no § 1º, diz que “…a iniciativa popular poderá ser exercida pela apresentação projetos de lei subscritos por, no mínimo, cinco por cento do eleitorado…”. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Dourados tem atualmente 143.929 eleitores e 5% desse total equivale a 7,1 mil eleitores. “Conseguimos cerca de 7,5 mil assinaturas, o suficiente para o poder público entender que se trata de uma proposta de iniciativa popular”, disse a advogada.

O abaixo-assinado foi entregue ontem à Elizabeth Salomão, responsável pelo gabinete do prefeito Murilo. Ao todo, sete cadernos com assinaturas compõem o projeto popular que pede o primeiro hospital público para animais do Mato Grosso do Sul. Um documento também será encaminhado aos vereadores de Dourados. “Queremos que a classe política fique ciente dessa proposta”, ressaltou Rosalina, que durante a coleta de assinaturas contou com o apoio de empresários de Dourados, para confecção de panfletos, banner e camisetas, todos em prol de hospital público para animais.

A advogada agora aguarda o agendamento de uma reunião que será realizada com o prefeito Murilo para analisar a iniciativa popular. Várias entidades já se prontificaram a apoiar o trabalho e dar o respaldo para a elaboração de um projeto técnico para a construção do hospital veterinário no município. No país, há poucas unidades que oferecem atendimento e tratamento gratuito aos animais e São Paulo é precursor.

Em Dourados existe uma grande demanda reprimida de atendimento público de animais domésticos por conta da capacidade financeira reduzida de muitos tutores de pagar um atendimento particular. E um hospital público causa impacto significativamente na melhoria da saúde pública, pois, animais saudáveis diminuem-se os riscos de transmissão de doenças e todos saem ganhando.

Fonte: O Progresso

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo