Pônei é vítima de ataque e leva flechada no focinho

           
Bambi, ainda com a flecha, antes de ser atendida pelos veterinários (Foto: Divulgação/RSPCA)
Bambi, ainda com a flecha, antes de ser atendida pelos veterinários (Foto: Divulgação/RSPCA)

Uma flecha de mais de 30 centímetros foi retirada do focinho de Bambi, uma fêmea de pônei de dez anos de idade que vive em um campo próximo à cidade de Barnsley, na Inglaterra. De acordo com o veterinário que atendeu o animal, Bill Black, ela sobreviveu por sorte, já que o objeto penetrou quase quatro centímetros em seu septo.

A Sociedade Real de Prevenção à Crueldade contra Animais (RSPCA, na sigla em inglês) investiga o caso. A suspeita é que o ataque tenha sido intencional e que o pônei tenha sido vítima de um arqueiro.

A entidade divulgou um número de telefone e está pedindo aos moradores da região que forneçam informações que ajudem a descobrir o autor da crueldade.

O pônei foi visto já com a flecha no focinho por uma pessoa que passava pelo local na última segunda-feira (10) e acionou a ONG. Como o animal estava muito agitado, não foi possível uma aproximação.

À distância, os veterinários avaliaram o ferimento e concluíram que seria melhor esperar os tutores do pônei retornarem, em vez de estressá-la ainda mais. Eles então deixaram um bilhete e pouco depois foram contatados pelos tutores, que não tiveram seus nomes divulgados.

Ainda mais ferida depois de tanto se debater, a égua teve finalmente a flecha removida e precisou de pontos. Ela agora está em repouso e deve se recuperar totalmente. Joanne Taylor, inspetora da RSPCA que cuida do caso, diz que a entidade está seriamente empenhada em descobrir o autor. “Este foi um terrível e deliberado ato de crueldade contra um animal indefeso”, avalia.

Fonte: G1

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo