Polícia Civil desmonta rinha com 22 galos de briga em Bauru (SP)

           
Uma rinha de galo foi desmontada, 22 galos de briga e material para rinha foram apreendidos anteontem na operação “Zarabatana” da Polícia Civil em imóvel na favela Ferradura Mirim. A.A.S., de 20 anos (apenas as iniciais foram divulgada pela polícia) irá responder pela acusação de maus-tratos com base na lei de crimes ambientais. Agora, a investigação prossegue para averiguar se também havia comercialização de galos de briga no lugar.

O delegado titular do 1º Distrito Policial Dinair José da Silva disse ontem que na hora não havia briga de galo na residência 3-45 da rua 13. “Se notava ali vários compartimentos que mostravam que tinha rinhas ali. Embora no momento não tivesse praticando rinha, se notava que aquilo era destinado à rinha”, descreve Silva. Ele explica que as aves estavam acondicionadas em gaiolas apropriadas o que caracterizou o maus-tratos, previsto no artigo 29 da legislação de crimes ambientais.

Além das aves da raça índio, os policiais civis, coordenados pelo delegado assistente José Dorneles Costa, apreenderam duas sacolas de pano da cor verde para transporte dos galos de briga, quatro pares de protetor de esporas de galo de briga, três protetores de bico e duas esporas postiças.

A Polícia Científica periciou o imóvel e foi solicitada uma perícia do Centro de Controle de Zoonozes (CCZ). As aves ficaram depositadas com o investigado até que um veterinário do CCZ avalie os galos, que poderão ser destinados para adoção.

Silva explica que os galos eram agressivos. “Tudo indica que eles era destinados à venda”, explica. O delegado acrescenta que novas denúncias serão investigadas.

Fonte: JCnet

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo