Mulher acusa vizinho de envenenar e matar cães e gatos

           

Andrea Dias Da Silva, de 34 anos, moradora na rua Crispim Venancio Mazotti, no Distrito de São José, município de Vicentina, compareceu até Delegacia da Policia Civil de Vicentina, para registrar um boletim de ocorrência, pelo envenenamento e morte de cães e gatos.

De acordo com o boletim de ocorrência, Andréia disse que no imóvel onde reside faz fundos com o imóvel onde reside sua irmã Anair, arrolada como testemunha, e que sempre ia à casa dela acompanhada por seus bichos de estimação. A vítima possuía três felinos e uma cadela.

Ocorre que no dia 23 de fevereiro encontrou o primeiro felino morto e na segunda-feira, dia 7, por volta das 11h30 da manhã, encontrou os demais animais mortos. Ainda segundo consta no B.O, todos os bichos apresentavam características de envenenamento pois vomitavam e vieram a óbito repentinamente.

A comunicante destacou que o proprietário do terreno do imóvel onde a testemunha reside, conhecido como Enoque, cultiva algumas plantas neste local e, em meados do dia 20de fevereiro, disse: “Plantei essa grama e não quero esses bichos aqui porque eles estão cavoucando. Gato e cachorro não vale nada, tem que morrer tudo. É tudo porcaria, só serve para atentar. Não crio bicho, tenho ódio de bicho”.

No local foi realizado o registro fotográfico dos animais mortos e observado que havia isca de carne bovina envenenada com chumbinho. Alem dos animais, de propriedade da comunicante, havia no local um cão morto, tutelado por um senhor identificado por Ramiro, que apresentava as mesmas características de envenenamento.

Fonte: Correio do Estado

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo