Mágico chinês é acusado de crueldade para controlar peixes durante número

           

(Foto: AP/CCTV via APTN)

Um mágico na China está fazendo sucesso com um número de encantamento com peixes. O número atrai milhares de fãs, mas o segredo por trás da mágica está preocupando ONGs de proteção aos animais.

O mago Fun Yandong se apresenta em um programa de TV e mostra seis peixes nadando dentro uma bacia. De repente, ao som do apito, o mágico começa a controlar o cardume. Os animais fazem um nado sincronizado e seguem as mãos de Yandong.

Para espanto da plateia, ele dá vida a um quadro e depois ainda faz uma mágica para multiplicar os peixes.

Pelo menos 50 ONGs que defendem os direitos dos animais criticaram a apresentação. Ativistas suspeitam que o truque use pedaços de ferro na ração dos peixes para controlar o nado com ímãs colocados embaixo da mesa.

O segredo do mágico, no entanto, não foi revelado.

Fonte: Jornal da Band

Nota da Redação: A manutenção dos peixes em um cativeiro já é suficientemente cruel. Explorá-los em apresentações, condicionando-os, impondo comportamentos antinaturais, sob métodos de adestramento é uma violência imensa. É preciso que se investigue e se aplique uma punição pela tortura que está sendo causada a estes seres que mereciam estar nas águas naturais de um rio ou mar. E principalmente que o uso de animais seja definitivamente proibido em quaisquer tipos de apresentações e espetáculos. Qual é a graça de se divertir às custas do sofrimento de um animal?

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo