Dezenas de gatos são mortos a pauladas em cemitério de Piracicaba (SP)

           

Membros da SPPA (Sociedade Piracicabana de Proteção aos Animais) e cuidadores de animais denunciaram ontem, 1º de fevereiro, o extermínio de gatos dentro do Cemitério da Saudade, na Vila Independência, em Piracicaba (SP).

Segundo as denúncias, ao menos 18 animais foram mortos a pauladas durante o mês de janeiro. Os requintes de crueldade usados no extermínio dos felinos surpreendeu até mesmo a voluntária Angela Regina da Silva.

Acostumada a atender chamadas de maus-tratos a animais, ela admitiu que nesse caso, a crueldade é ainda maior.

Ontem à tarde ela foi até o cemitério buscar informações junto aos funcionários. Como não encontrou os trabalhadores, Angela disse que voltará hoje ao local e não descarta a possibilidade de registrar um Boletim de Ocorrência denunciando os maus-tratos contra os animais.

De acordo com a pensionista Sueli Lovadini, cerca de 250 gatos do Cemitério da Saudade são tratados por ela e outros cuidadores que diariamente levam ração e trocam a água dos animais.

Sueli disse que faz esse trabalho desde 1992. Segundo ela, há três anos aconteceu outra onda de mortes de gatos no cemitério. Na ocasião os animais eram mortos por envenenamento.

Outra cuidadora que pediu para não ter o nome divulgado, contou que há dias em que ela encontra até três animais mortos. Ela chegou a guardar os corpos de três filhotes mortos para que sejam periciados caso a polícia decida investigar o caso.

A cuidadora disse que um cachorro é mantido dentro do cemitério para afugentar os gatos, medida essa que ela desaprova.

Fonte: Jornal de Piracicaba

Comente

Comunicar erro

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo