Número de animais abandonados aumenta em Campinas (SP) no final do ano

           

As viagens de final de ano provocam o aumento do abandono de animais que tem lar.  O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Campinas não tem mais vagas para cães. “É um período que muita gente larga o cachorro porque não encontra ninguém para cuidar. O número de chamados aumenta cerca de 40%, inclusive de gente que quer deixar o cão aqui porque não o quer mais, só que não aceitamos. A responsabilidade de encontrar uma novafamília é do tutor”, afirmou a médica-veterinária do CCZ, Marisa Denardi.

Segundo ela, as solicitações para recolher cães soltos nas ruas cresce no período de férias e final de ano. Entretanto, pela impossibilidade de atender a essa demanda, muitos casos não são atendidos. “Infelizmente aumenta muito o número de casos. Hoje temos por volta de 80 cães, e cerca de 30 são pitbull”, explicou.

Marisa disse que o critério para que os animais sejam recolhidos pelo CCZ é que estejam soltos mas, além disso, precisam apresentar um quadro de doença, sofrimento, que tenham mordido alguém ou vítimas de atropelamento. “É preciso conscientizar os tutores que eles são responsáveis pelos animais e que é crime o abandono. Se não tem com quem deixar, deve levar para um hotel para cães. Deixa solto na rua não resolve”, disse.

Com informações de Cosmo

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com