Protetores organizam-se contra veto à lei que protege os animais, nesta segunda-feira

Monica Faria
nickmo63@yahoo.com

O povo da umbanda e afins está se organizando para ir até à Câmara de Vereadores hoje, dia 6 de dezembro. Então, o povo da Proteção Animal precisa comparecer hoje, sem falta, mais unido do que NUNCA! Precisamos chegar umas 18h30min para ocupar as cadeiras do plenário e não deixar lugar vago para o rival. O local é pequeno e se não for preenchido com pessoas da proteção, será pelo povo vestido de branco, que “fará vista” ali no plenário,dessa forma a proteção não será suficiente.

Saiba mais sobre o assunto:

Prefeito de Piracicaba (SP) veta lei que proibiria maus-tratos a animais

Cartazes seriam ótimos! E antes que eu esqueça: NÃO ENTREM EM PROVOCAÇÕES, pois caso haja manifestações barulhentas e desrespeitosas, o presidente da Câmara pode pedir para esvaziar o recinto. E talvez eles (povo de lá) tentem provocar para fazer o povo da proteção perder a razão.

Repito: NÃO ENTREM EM DEBATES E PROVOCAÇÕES ! FAÇAM OUVIDOS MOUCOS! Bom, vejo muita gente falar que apóia, que gosta dos animais, mas em horas cruciais como essa, somem! Portanto, essa é a hora de provar aos vereadores que você se importa com os animais e quer um basta na crueldade que existe nos rituais onde eles são usados.

Quem puder venha usando a camiseta AZUL CLARA, pois essa cor simboliza que queremos a votação pela vida, que queremos a derrubada do veto! Se não tiver, uma fita azul clara em forma de laço na camiseta ou amarrada nos pulsos.

Eu estarei trabalhando na mesa de assistência nesse dia, então não estarei ali na platéia, mas já adianto que consegui contato com o Dr. Rogério Gonçalves de SP que tentará esclarecer a importância de derrubar esse veto e aprovar a lei que proíbe o uso dos animais nos sacrifícios religiosos. Ele me garantiu que vem! Os praticantes dos rituais também usarão a palavra para discussão.

Vamos ouvir os 2 lados com respeito, engolindo em seco se preciso, mas sem perdermos o objetivo, o foco: ANIMAIS e fim de mortes sem necessidade deles. Não vamos comentar a religião em si, a tradição como dizem, vamos focar na necessidade do fim dos sacrifícios e só!

Também não caiam na provocação se alegarem que os carnívoros não podem defender essa causa, podemos sim! E se ainda somos ou não somos carnívoros não diz respeito a eles. Bom, para as pessoas de fora de Piracicaba ou do Estado, peço que enquanto estiverem ocorrendo os debates, mandem mensagens nos celulares deles. Os telefones dos gabinetes estão no site da Câmara e precisam ligar e pedir onúmero do celular. Liguem pedindo os celulares quem puder!

A mensagem deve ser curta: Sr. Vereador por favor, derrube o veto. Simples assim. Sem agressões, palavrões, ofensas. Aliás, um dos vereadores disse que irá se abster de votar, pois estava magoado com mensagens grosseiras que recebeu de pessoas que nem sabiam qual seria o voto dele e o ofenderam. Acho que por mais indignados que estejamos, não podemos ser grosseiros. Claro que às vezes temos vontade mesmo de dizer coisas mais agressivas, xingar, mas quem xinga e agride acaba perdendo a razão. E aí perdemos a chance de angariarmos simpatia, respeito.

Tenhamos esperança. Precisamos nove votos contra o veto para que ele seja derrubado e a lei sancionada. Os de fora da cidade, estado e país, podem acompanhar pela internet essa votação histórica: www.camarapiracicaba.sp.gov.br. Procurar TV Câmara. Clicar, esperar carregar a imagem e som. É para começar 19:30 mas as vezes começa 10, 15 minutos atrasado.

A reunião ordinária é aberta, tem leitura bíblica, leitura de matérias que dão entrada, talvez uso da tribuna popular e depois entrega de moção. Depois fazem um pequeno intervalo, que pode ser dispensado e começa a Ordem do Dia, parte onde são discutidos os projetos, etc. O VETO é primeiro que será discutido e votado.

Câmara de vereadores de Piracicaba – Rua Alferes José Caetano 834 – Centro – Piracicaba – SP

Chegar às 18h30min e entrar no Plenário, se a porta estiver fechada não tem problema, pode entrar mesmo assim, ocupar lugar e tenha paciência.

É necessário que todos cheguem antes. Espero que sejamos o lado vitorioso, mas caso ocorra o inesperado e o veto seja acatado, não percam a cabeça, saiam do plenário em silêncio, para que eles (vereadores) sintam o peso da decisão.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com