Mais cães envenenados em conjuntos habitacionais de Uberaba (MG)

           

Um morador do bairro Guanabara, em Uberaba (MG), denunciou nesta semana a morte em série de cachorros por envenenamento (leia aqui). Heraldo Luís Rodrigues contou que em uma semana foram nove animais envenenados, resultando na morte de seis deles. Na segunda-feira (9), Heraldo teve seus dois animais intoxicados e registrou um boletim de ocorrência com a Guarda Municipal.

Na quarta-feira, dia 11, após a publicação da matéria, mais um animal foi vítima de envenenamento no mesmo bairro e outros quatro cães foram intoxicados no conjunto Frei Eugênio. A informação é de que apenas o animal do Guanabara não sobreviveu.

De acordo com o veterinário Paulo Milanez, que atendeu aos animais envenenados na segunda-feira, o veneno é estricnina, usado para exterminar ratos. “Estricnina provoca salivação excessiva, convulsões e infarto, além da falta de oxigenação no cérebro”, analisa.

Denise Max, da Sociedade Protetora dos Animais (Supra), reclama da falta de atenção policial. “Está ficando perigoso e a polícia não vai. Parece que o veneno é jogado dentro de salgadinhos. Daqui a pouco uma criança pode comer um”, alerta.

Inconformada com a situação, a advogada Michele Afonso, filha de Heraldo, vai encaminhar uma petição ao Ministério Público solicitando investigação criminal. “Maus-tratos a animais é crime federal e está dentro da lei ambiental. Isso precisa ser resolvido”, declara.

Procurado pela reportagem, o subcomandante do 4° Batalhão, major Ney Sávio, informou que não tem registro de negativa de chamada. “Mas a partir de agora vou passar a recomendação para o pessoal prestar mais atenção”, conclui.

Fonte: JM Online

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo