Investigação expõe crueldade em fazenda de leite, nos EUA

           

Por Lobo Pasolini (da Redação)

Um vídeo lançado ontem (26) pela ONG americana Mercy For Animals mostra a cruel realidade dos animais presos em fazendas. O vídeo foi feito na Conklin Dairy Farms, uma fazenda de leite em Plain City, no estado de Ohio, nos EUA.

Segundo a ONG, durante uma investigação de quatro semanas entre abril e maio, o investigador documentou trabalhadores dando socos no rosto de bezerros, batendo em vacas com barras de ferro, torcendo o rabo de animais até estalar o osso, chutando vacas doentes que não conseguem mais ficar em pé, falando sarcasticamente sobre esfaquear, arrastar, atirar, quebrar ossos e bater em vacas e bezerros até a morte.

Mercy For Animals contactou oficiais da região sobre o que registrou na investigação e pediu que os empregados da fazenda sejam indiciados criminalmente. Segundo a ONG, embora tal caso tenha características sadísticas, esse tipo de abuso foi testemunhado em toda investigação que a ONG já fez em diversas fazendas, o que demonstra que a crueldade é institucionalizada e não apenas maliciosa.

A investigação gerou grande interesse na imprensa, com nove artigos publicados sobre o assunto, inclusive um na Associated Press.

A ONG sugere a adoção de uma dieta vegana para combater o problema e mantém um website com informações para aqueles que desejam fazer a transição.

(Aviso: o vídeo contém cenas gráficas de violência)

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo