Programa de Conservação do Gavião-real está documentado em livro

Parte do trabalho desenvolvido por pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCT) no Programa de Conservação do Gavião-real poderá ser conhecido agora por meio do livro fotográfico Harpia. A obra foi lançada na quarta-feira (17/3), no Salão Nobre da Câmara dos Deputados, em Brasília, e reúne uma série de imagens inéditas sobre a maior ave de rapina das Américas.

A publicação é resultado de uma parceria entre o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e INPA com financiamento da Vale. O livro traz fotos inéditas sobre essa espécie tão importante para a biodiversidade brasileira, documentando o trabalho de um grupo de pesquisadores que, durante oito meses, monitorou dois ninhos da ave encontrados no início de 2009 na Floresta Nacional de Carajás, em Parauapebas, sudeste do Pará.

As fotografias são de João Marcos Rosa e os textos do analista ambiental do ICMBio, Frederico Martins, da pesquisadora da Coordenação de Pesquisas em Ecologia (CPEC) do INPA, Tânia Sanaiotti, e do pesquisador e Presidente da Sociedade de Pesquisa do Manejo e da Reprodução da Fauna Silvestre (CRAX Brasil), Roberto Azeredo.

Para Sanaiotti, a publicação enfatiza a importância do trabalho realizado pelo Programa de Conservação do Gavião-real, além de ser uma maneira de documentar as atividades feitas no programa. “O livro é uma forma de divulgação e serve para que outras empresas e pessoas possam atuar na conservação da espécie”, considera.

Harpia possui 144 páginas com belas imagens nunca antes registradas. Um exemplo disso é uma cena em que uma fêmea da espécie leva caça para o ninho. A outra mostra os filhotes aprendendo a levantar voo. 

Para captar as imagens que ilustram a obra, Rosa teve de passar dias inteiros com seu equipamento em uma plataforma construída sobre uma castanheira, a 35 metros do solo.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com