Homem é acusado de pisotear cachorro até a morte nos Estados Unidos

           

Por Giovanna Chinelatto (da Redação)

Um homem da cidade de Hannibal, em Missouri, nos Estados Unidos, foi preso por crueldade de animais após confessar ter pisoteado em um cachorro até a morte durante o fim de semana.

Policiais foram até o local às 15h41min de sábado, 13, depois que uma mulher levou o corpo de um cão falecido até oficiais de controle animal.

O cachorro, mestiço de lulu-da-pomerânia, pertencia a uma mulher de 18 anos. Ele sofreu severos traumas na cabeça.

A polícia foi avisada de que um suspeito de 31 anos que vive na residência pegou o cachorro e o jogou em uma estrada perto do local depois que o cão tentou mordê-lo.

Segundo as autoridades, o homem começou a pisotear o cachorro e teria continuado o ataque até o animal parar de se mover. O homem foi solto, com liberação de mandado pendente.

Com informações de Hannibal Courrier Post

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo