Área de grande importância ecológica será protegida no Canadá

           

Tradução por João Marcos Ezaquiel Nascimento   (da Redação)

Lancaster Sound, no Canadá, é a entrada leste da Northwest Passage, um fabuloso corredor através do arquipélago Canadense do Ártico. É uma área de crítica importância ecológica para mamíferos marinhos, incluindo focas, narvais, belugas e baleias-da-groenlândia, assim como morsas e ursos-polares, e é cercado por algumas das mais importantes colônias reprodutivas de aves marinhas do Ártico, com populações totalizando centenas de milhares.

imagem de lancaster sound

Vários fiordes fazem fronteira a Lancaster Sound e seus canais adjacentes, geleiras de maré alcançam o oceano ao longo da costa nordeste.

A dinâmica oceanografia da área assegura que porções de Lancaster Sound permaneçam relativamente sem gelo ao longo do ano, propiciando um habitat essencial para grandes concentrações de aves e mamíferos, assim como áreas de alimentação cruciais quando o acesso a águas congeladas do oeste não é possível.

Em conjunto com outros departamentos federais, o Governo de Nunavut, Nunavut Tunngavik Inc., Qikiqtani Inut Association, e comunidade locais, Parks Canada conduzirá um estudo sobre a possibilidade de estabelecimento de uma área de conservação marinha nacional em Lancaster Sound. O estudo irá determinar se o estabelecimento de uma área de conservação marinha sobre o Canada National Marine Conservation Areas Act (Ato de Conservação de Áreas Marinhas do Canada) é uma abordagem eficiente à proteção e ao uso ecologicamente sustentável da região.

Áreas de conservação marinha nacional

Áreas de conservação marinha nacional são áreas marinhas protegidas para uso ecologicamente sustentável. Elas incluem o solo oceânico, a água sobre ele e todos os seus recursos vivos. Elas também podem abarcar pântanos, estuários, ilhas e outras terras costeiras.

Áreas de conservação marinha nacional focam no uso ecologicamente sustentável, o que significa harmonizar práticas de conservação com atividades humanas como navegação e recreação. Despejo de dejetos, mineração, extração de petróleo e gás, além da exploração, são proibidos ao longo dessas áreas especiais.

Essa abordagem envolve trabalhar em conjunto com os que usam as terras, águas, e recursos vivos lutando para alcançar objetivos comuns e, o mais importante, um ecossistema saudável e sustentável.

Fonte: Canada Views

Nota da Redação: Atentemos ao conceito de “uso sustentável”: por “uso sustentável”, entende-se o que se compreende dentro dos parâmetros da ética e do respeito pela natureza e pelos direitos animais. Quaisquer atividades que impliquem a exploração de animais, como a pesca ou a caça, bem como a destruição de solos e habitats, jamais podem ser aceitas como práticas ditas sustentáveis. Exploração é uma forma de violência e não de sobrevivência.

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo