Força Verde realiza a maior apreensão de aves silvestres, no Paraná

           

Policiais da 2ª Companhia de Polícia Ambiental – Força Verde (BPAmb-FV) de Londrina, realizaram a maior apreensão de animais silvestres em cativeiro na região de Cianorte, no Paraná, por meio da Operação Caápua, na última sexta-feira (27). Foram 60 aves de diversas espécies encontradas em três diferentes cativeiros – dois em residências na cidade e um na zona rural. As abordagens foram feitas após denúncias anônimas ao 0800-643-0304 disque denúncia de crimes ambientais.

Foto: Reprodução/Bem Paraná
Foto: Reprodução/Bem Paraná

“A população participou ativamente desta operação realizando diversas denúncias que contribuíram largamente com trabalho policial”, afirma o comandante do BPAmb-FV, tenente coronel João Alves da Rosa Neto. Ele ainda ressalta a importância desse tipo de apreensão, já que “as aves vivem em harmonia com o meio ambiente, auxiliam na reprodução das plantas, mantendo o equilíbrio entre a fauna e a flora e, se um animal for retirado do seu habitat, haverá uma desarmonia no ciclo reprodutivo”.

Três homens foram responsabilizados pelos cativeiros e responderão a processo por crimes ambientais. Foram lavrados autos de infração no valor de R$ 500 por aves. “Esse valor pode chegar a R$ 5.000,00 caso algum dos animais esteja inserido na lista oficial de animais ameaçados de extinção, (CITES)”, ressalta o Comandante da 2ª Companhia de Polícia Ambiental, capitão Hilberaldi Correia de Lima.

Dentre as espécies que foram recuperadas, as aves trinca-ferro, sabiá, papagaio, canário-da-terra, coleira-brejo, azulão, melro, sangrinho e canário papa-capim foram encaminhadas para o Parque Cinturão Verde, em Cianorte. “Essas espécies estão em perfeitas condições físicas e poderão ser inseridas em seu habitat natural novamente”, afirma o capitão. Já os animais feridos foram encaminhados para o Centro de Triagem em Rio Branco do Sul, para serem tratados e depois reinseridos no meio ambiente.

O comandante do Batalhão, tenente-coronel Rosa Neto, ainda lembra que a população pode fazer as denúncias de crimes ambientais pelo 0800-643-0304 e também pelo site do próprio BPAmb www.pmpr.gov.br no link Formulário de Minúcia. “Assim como pelo telefone, não é preciso se identificar para fornecer as informações no site, além de poderem ser feitas a qualquer momento”, diz. “A eficácia das ações pode ser complementada com a participação de qualquer cidadão”, acrescenta o capitão.

Fonte: Bem Paraná

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação

Você Viu?

ir para o topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com