Ator global ajuda a promover leilão para tratamento do leão Ariel

           
Foto: Reprodução/O diário

O leão maringaense Ariel, um dos felinos mais conhecidos do Brasil, está em São Paulo para dar continuidade a uma série de exames, na esperança de conseguir voltar a andar. Desde que ficou doente e perdeu o movimento das patas traseiras, em julho de 2010, o animal passou por várias sessões de fisioterapia e diversos tipos de tratamento.

Para auxiliar no pagamento das despesas veterinárias, o ator da Rede Globo Júlio Rocha, fez uma sessão de fotos com Ariel. O galã, que já participou de novelas como Caras e Bocas, Paraíso Tropical e Pé na Jaca, autografou quatro fotos e as forneceu para um leilão, cujo dinheiro será revertido para o tratamento do leão.

“É um gesto simbólico, de muita solidariedade. Esperamos que as pessoas se sensibilizem e ajudem na recuperação do nosso querido Ariel”, fala a proprietária e “mãe” do felino, Raquel Ferreira Borges.

O ator Júlio Rocha, que atuou na novela Caras e Bocas (Foto: Reprodução)

O leilão teve início no dia 28 de junho e está sendo promovido na rede social Facebook. Até as 18h de sábado (2) as fotos já valiam R$ 160. O prazo para dar os lances foi estendido e pode ser feito até quarta-feira (6).

“Qualquer ajuda será bem vinda. Esperamos que este seja o primeiro, de vários leilões que pretendemos promover para ajudar no pagamento das despesas”, fala Raquel.

A esperança agora é conseguir dinheiro para pagar a alimentação  de Ariel, remédios, produtos de higiene e limpeza, colchões, exames e transporte.

Ariel possui um perfil no Facebook, Ajuda ao Leão Ariel, com mais de 6,7 mil amigos. Os membros da comunidade ajudaram a pagar as despesas de deslocamento de Ariel, de Maringá para São Paulo, e auxiliou a conseguir gratuitamente parte do tratamento, como a vinda de uma veterinária neurologista de Israel, especialista em felinos.

Veja a Fan Page, no Facebook, do leilão do leão Ariel.

“Todos os exames já foram feitos, estamos agora esperando os resultados, que infelizmente podem demorar até um mês para sair. Nunca perdemos a esperança de que ele se recupere e volte a andar”, fala Raquel.

Quem quiser contribuir para ajudar o leão Ariel pode também fazer um depósito bancário, de qualquer valor, em conta do Banco Itaú 341 / Agência 0932 / Conta Corrente do Instituto Emanuel: 58054-1 / Número de Inscrição (substitui o CNPJ) 11254829000137, ou também pelo Banco do Brasil, através da agência: 0352-2 C/Poupança: 54.578-3 – em nome de Raquel Ferreira Borges

Doença

Ariel ficou famoso por ser um leão extremamente dócil (parece até um gatinho) e ser exibido em diversos canais de televisão de rede aberta do Brasil. Depois que ele adoeceu, os “pais” de Ariel, Raquel e Ari Borges, contavam com o auxílio de um programa de tv, que ajudava a bancar as despesas do animal. No início de junho, no entanto, os produtores anunciaram que não mais ajudariam financeiramente.

Uma comunidade na rede Facebook foi montada, então, para que as pessoas pudessem acompanhar a recuperação do animal e ajudar financeiramente.

Leão Ariel

O felinojá nasceu em cativeiro, em julho de 2008, no Canil e Escola Emanuel, empresa de Maringá especializada no “treinamento de cães policiais” e hospedagem de animais.

Ariel vive com os pais e 11 tigres. O canil em Maringá recebeu licença ambiental do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e teve que cumprir uma série de normas para abrigar esse tipo de animal.

Fonte: O Diário

Comente

Obrigado por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta.

Faça uma doação
               

Veja Também

ir para o topo